sexta-feira , 19 Janeiro 2018
Home / BRASIL / [Vídeo] Ex-prefeito de Santo Amaro é preso e população comemora com fogos
Ricardo Machado é ex-prefeito pelo Partido dos Trabalhadores | FOTO: Reprodução/Bocão News

[Vídeo] Ex-prefeito de Santo Amaro é preso e população comemora com fogos

O ex-prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT), foi preso nesta terça-feira (19), em Santo Amaro, um dia após ser deflagrada a sexta etapa da Operação Adsumus. Informações obtidas e divulgadas pelo site Bocão News afirmam que o petista foi preso no Fórum e segue para o Complexo Penitenciário Lemos de Brito, em Salvador. Ele deixou o local por volta das 14h30 desta terça. A sexta etapa da Adsumus foi deflagrada em Salvador, Lauro de Freitas e Cruz das Almas e cumpriu seis mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária expedidos pela Vara Criminal de Santo Amaro e pela Vara Criminal de Muritiba. Na segunda-feira (18), três pessoas foram presas e duas estavam foragidas.

No caso de Santo Amaro, a investigação aponta que os desvios ocorriam por meio da aquisição fraudada de material de construção, aluguel de máquinas e veículos, e em licitações de obras públicas. Uma delação premiada, que foi homologada pelo Tribunal de Justiça da Bahia no ano de 2016, aponta para novos desvios milionários através de fraudes na aquisição de combustível junto à RL Derivados de Petróleo e na contratação do serviço de limpeza pública junto à empresa MRC Construções, que possui atuação nos municípios de Santo Amaro e Muritiba. As informações são do Bocão News com o Jornal da Chapada.

Vídeo mostra a população em comemoração e fogos no ato da prisão:

Comentários com Facebook

comentários

Sobre Ipitanga

Ipitanga, rio vermelho para os índios. RMS Notícias by Lauro de Freitas. Curta!

Veja Também

Clariane Caxito troca de biquíni na praia

Banho de mar na praia da Terceira Ponte deve ser evitado até quarta (10)

A Embasa informa que está trabalhando em manutenção emergencial em um trecho de rede coletora ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *