sábado , 24 Fevereiro 2018
Home / RMS / Pitanga de Palmares em luto com a morte de Binho do Quilombo
Foto: Reprodução

Pitanga de Palmares em luto com a morte de Binho do Quilombo

Pitanga de Palmares em luto com a morte de Binho do Quilombo. O líder Quilombola Flavio Gabriel Pacifico dos Santos, 36 anos, conhecido por todos como “Binho do Quilombo”, foi morto com pelo menos 10 tiros na manhã desta terça-feira (19/9) na cidade de Simões Filho, na região metropolitana de Salvador (RMS).

De acordo com informações preliminares, o crime aconteceu por volta das 9h, em frente a Escola Municipal Nova Esperança, em Pitanga de Palmares. Homens não identificados a bordo de um veiculo branco chegaram e dispararam vários vezes contra a vítima. O líder Quilombola estava dentro do seu carro a caminho do enterro e não houve chances de reação. “Encostaram aqui e mataram ele. Ele iria pra um enterro, os caras atiraram diversas vezes“, contou um morador. Binho havia acabado de deixa o seu filho na unidade de ensino, em seguida, seguiria para o enterro de uma amiga.

Policiais da 22ª Companhia Independente de Policia Militar estão no local aguardando a chegada dos peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT) e dos policiais do setor do Investigação da Policia Civil, que vão investigar o caso.

Binho do Quilombo é casado e é filho da ex-secretária da Promoção da Igualdade Racial do município, Maria Bernadete Pacífico. O líder comunitário além de ser músico, era um grande militante na luta pelas comunidades quilombolas, especialmente a de Pitanga de Palmares. Ele foi candidato a vereador pelo PROS – Partido Republicano da Ordem Social em 2012 e 2016.

Com a informação e redação do Geledes

Comentários com Facebook

comentários

Sobre Ipitanga

Ipitanga, rio vermelho para os índios. RMS Notícias by Lauro de Freitas. Curta!

Veja Também

Com um assaltante preso por dia, roubo a ônibus cai 38% em Jan

Com média de um assaltante de ônibus preso por dia no mês de janeiro, equipes ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *