sábado , 24 Fevereiro 2018
Home / Empreendedorismo / Não se desmotive com o sucesso que os outros demonstram no Facebook
Um novo algoritmo resgatará as postagens que não tenham sido visualizadas pelo usuário caso ele não as tenha “alcançado” ao rolar a página | FOTO: Reprodução/Facebook |

Não se desmotive com o sucesso que os outros demonstram no Facebook

O fenômeno da internet mudou a forma como fazemos negócios hoje em dia. É possível ganhar dinheiro e construir uma carreira meteórica por meio das redes sociais. Rompemos as barreiras físicas e ganhamos o mundo, tornando o computador uma vitrine. O marketing digital está a todo vapor para ajudar a vender produtos e serviços.

Mas, e quando falamos de uma pessoa? Ou melhor, quando falamos de cada profissional em uma empresa? Será que a regra é a mesma? Vejo inúmeros profissionais que, na busca por aprovação, atenção e reconhecimento, postam informações, acreditando que vão experimentar o tal sucesso com as curtidas e comentários que recebem. Há uma carência por trás de tanta exposição virtual que as pessoas querem suprir pela aprovação e aceitação do outro.

Recebo alguns relatos de profissionais que estão construindo muito bem suas carreiras, mas se sentem extremamente angustiados pela comparação virtual. Como todos postam fotos de bons momentos, acreditam que os outros estão mais felizes do que eles. Acham que “a grama do vizinho” é melhor: que ele ganha muito mais dinheiro, tem mais reconhecimento na empresa, trabalha em um lugar mais legal, sempre viaja a trabalho para lugares incríveis, tem um chefe mais bacana, entre outros aspectos. Nessa comparação sem sentido se sentem fracassados e tendem a desistir de suas metas no meio do caminho.

Entendo que a comparação é positiva, nos faz melhorar. O problema é com quem você se compara. Nem tudo o que algumas pessoas postam nas redes sociais sobre sucesso profissional é verdade. As redes sociais são um instrumento perfeito para tentar passar a melhor imagem possível. Dessa forma, as pessoas utilizam vários elementos para criar uma imagem idealizada de si mesmas para vender aos outros.

Então não fique angustiado com o que lê por aí e foque em suas metas do mundo real. A trajetória de carreira é diferente para cada pessoa. Qual retorno efetivo, seja ele financeiro ou emocional, que as curtidas, número de seguidores e quantidade de visualizações lhe proporcionam?

Conheço bons profissionais que apresentam resultados fantásticos e servem de inspiração para continuarmos a agir na direção de nossas metas quando a vida fica pesada demais, mas tenho a impressão de que a minoria tem essa boa intenção. Use a internet a seu favor, de maneira estratégica para potencializar seus resultados e objetivos profissionais. Não acredite em tudo o que dizem por aí sobre salários, cargos e patrocínios. No mundo virtual, por enquanto, pode tudo, mas a verdade ainda se baseia em fatos.
Por Daniela do Lago.

Comentários com Facebook

comentários

Sobre Ipitanga

Ipitanga, rio vermelho para os índios. RMS Notícias by Lauro de Freitas. Curta!

Veja Também

[Vídeo] Heineken lança ‘Nespresso’ de cerveja

A Heineken criou uma máquina que promete produzir chopes a partir de cápsulas. A “Blade”, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *