sábado , 24 Fevereiro 2018
Home / Saúde / Justiça do Rio confirma liberação da maconha medicinal
Foto de arquivo mostra mulher que sofre de lúpus e também foi diagnosticada com câncer de mama em 2011, cheirando planta de maconha durante apresentação de plantação legal de maconha medicinal no município de La Florida, perto de Santiago, no Chile (Foto: AP Photo/Luis Hidalgo, File
Foto de arquivo mostra mulher que sofre de lúpus e também foi diagnosticada com câncer de mama em 2011, cheirando planta de maconha durante apresentação de plantação legal de maconha medicinal no município de La Florida, perto de Santiago, no Chile (Foto: AP Photo/Luis Hidalgo, File)

Justiça do Rio confirma liberação da maconha medicinal

A Justiça do Rio de Janeiro acaba de confirmar uma liminar dada em dezembro de 2016 a um casal carioca que planta cannabis sativa em casa para auxiliar o tratamento de uma doença crônica de sua filha, segundo o blog de Lauro Jardim do ‘O Globo’.

Marcos Lins e Margareth Brito obtiveram um habeas corpus preventivo para o cultivo e o processamento da erva em casa.

Segundo laudos médicos apresentados pela defesa do casal, a menina teve redução de até 60% de suas crises convulsivas após o uso, sob supervisão médica, de um extrato artesanal oriundo da cannabis.

Comentários com Facebook

comentários

Sobre Ipitanga

Ipitanga, rio vermelho para os índios. RMS Notícias by Lauro de Freitas. Curta!

Veja Também

269 casos positivos de doenças sexualmente transmissíveis foram detectados durante o carnaval de Salvador

O objetivo do Fique Sabendo é colaborar com a interrupção da cadeia de transmissão das ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *