quinta-feira , 14 dezembro 2017
Home / RMS / Camaçari / Estudantes começam a chegar em Salvador para o 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual
Foto: Ascom Educação

Estudantes começam a chegar em Salvador para o 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual

Os estudantes do interior já estão chegando em Salvador para participar, dos dias 21 a 23, do 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual, que será realizado, das 8h às 18h, com entrada gratuita, na Arena Fonte Nova. O encontro, promovido pela Secretaria da Educação do Estado, reunirá mais de 4 mil estudantes criadores, que irão apresentar projetos de arte, ciência, cultura, esporte, tecnologia, empreendedorismo e inovação desenvolvidos nas escolas durante o ano de 2016.

Nesses dias que antecedem o encontro, os estudantes participam de oficinas e ensaios preparatórios. Este é o caso dos alunos, que após participarem das etapas escolares e das seletivas territoriais, já estão na capital para a culminância do 9º Festival Anual da Canção Estudantil (Face) e do 8º Sarau do Tempos de Artes Literária (TAL). Os 16 finalistas do Face e os 38 do TAL estão hospedados no Hotel Vila Velha, no Corredor da Vitória, onde foram recepcionados e participaram de uma roda de conversa na noite desta quinta-feira (16).

Durante toda esta sexta (17), os estudantes finalistas começaram os cursos e oficinas de preparação da voz e tiveram aulas de canto, de expressão corporal, leitura dinâmica e de direção artística. Os finalistas do TAL irão se apresentar na terça (21), das 16h às 19h, no nível 6. Já o Face será na quinta-feira (23), no palco do nível 3, da Arena Fonte Nova, a partir das 17h.

Segundo a professora de leitura criativa, Cláudia Santos, é na preparação que o estudante descobre a melhor maneira de expressar o texto. “Nessa primeira etapa, nós estamos fazendo o acolhimento dos alunos e conversando sobre a trajetória e a identidade deles como escritores. Em seguida, vamos trabalhar com escrita e leitura criativa, porque aqui é a hora em que cada aluno vai encontrar a melhor maneira de expressar seu texto e, também, de potencializar a literatura que ele vem trazendo da sua cidade”, afirma

A professora acrescenta que a arte literária dos estudantes é surpreendente. “A diversidade dos textos é a mais incrível que você possa imaginar. Nós temos desde a literatura regional, no que diz respeito aos cordéis, bem como textos inspirados na Europa do século XVIII, crônicas, textos poéticos, contos, fragmentos de romance. São textos muitos diversos”.

Os exercícios de técnica vocal e respiração ficam por conta da professora de canto, Manuela Rodrigues. De acordo com ela, a atividade é essencial para melhorar a performance vocal e a interpretação. “Esse trabalho de preparação é feito durante uma semana até a culminância. Meu trabalho é destravar, soltar, potencializar o que eles já têm vocalmente, que é aquele terreno de segurança deles, e, também, incentivar que aquela parte mais frágil seja trabalhada para fortalecer”, explica.

Programação

No sábado (18), domingo (19) e segunda-feira (20), a programação segue com as atividades no hotel, com o Grupo Geling e a professora de expressão corporal e direção artística, Débora Landim. Os finalistas do Face ainda realizam ensaios e gravações no estúdio Pracatum, com Luciano Bahia.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado

Comentários com Facebook

comentários

Sobre Ipitanga

Ipitanga, rio vermelho para os índios. RMS Notícias by Lauro de Freitas. Curta!

Veja Também

Qualifica Bahia certifica 680 trabalhadores de Salvador e Dias D’Ávila

Uma concorrida solenidade, nesta terça-feira (12), marcou a certificação de 680 trabalhadores e trabalhadoras de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *